Resultado ENEM 2016 e abertura de consulta pública

Luísa França jan 18, 2017

Resultado ENEM 2016 e abertura de consulta pública

 

O resultado do ENEM 2016 foi divulgado hoje, 18/01, um dia antes do que foi originalmente programado.

As provas do ENEM 2016 foram aplicadas nos dias 5 e 6 de novembro de 2016 e contabilizaram aproximadamente 8,6 milhões de inscritos. Devido a ocupações de escolas em todo o país, 270 mil candidatos tiveram suas provas adiadas para os dias 3 e 4 de dezembro. A taxa de abstenção foi de 30%.

Provas ENEM 2016: veja o gabarito oficial e as percepções das provas

A consulta do resultado pode ser feita pelo aluno no site do Inep.

Os resultados divulgados hoje se referem às notas individuais dos alunos no ENEM 2016. O resultado do Exame de 2016 por escola geralmente é divulgado no segundo semestre.

Clique aqui para conferir os resultados do ENEM 2015 por escola.

Sistema de Seleção Unificada (Sisu)

As médias obtidas no exame serão usadas pelos alunos para tentar uma vaga no Ensino Superior pelo Sistema de Seleção Unificada, o Sisu. Além disso, as notas do ENEM podem ser usadas para inscrição em programas de financiamento como o ProUni e o Fies.


Leia também: Tudo o que você precisa saber sobre o Sisu


Neste ano, o Sisu contará com algumas mudanças anunciadas pelo Ministério da Educação (MEC). A principal delas é que o uso das notas do ENEM 2016 pelas as instituições públicas de Ensino Superior será mais flexível. Isso porque as instituições terão mais liberdade para determinar pesos e notas mínimas na prova do ENEM.

Se antes as instituições podiam determinar uma nota mínima para cada área do conhecimento, agora elas também podem indicar uma média mínima referente a todas as provas. Essa mudança beneficia principalmente alunos que não conseguiram uma média adequada em determinada área do conhecimento, mas que apresentaram um bom desempenho geral no ENEM.

Como a nota do ENEM é calculada?

A nota do ENEM é calculada de acordo com a Teoria de Resposta ao Item (TRI). Diferente da Teoria Clássica, o resultado não é diretamente proporcional ao número de acertos na prova. Ao invés disso, a correção leva em consideração a coerência das suas respostas.

Isso significa que um aluno que acertou questões fáceis e errou questões difíceis de um assunto segue um comportamento esperado, mas um aluno que errou questões fáceis e acertou questões difíceis provavelmente chutou algumas respostas. Sendo assim a correção TRI favorece a nota do primeiro aluno, enquanto o segundo vai obter uma nota no ENEM mais baixa, devido à falta de coerência em suas respostas.


Veja também: TRI – Teoria de Resposta ao Item: O Guia Definitivo


Consulta pública já está aberta

Além dos resultados, também foi aberta hoje, dia 18/01, uma consulta pública para alterações no ENEM. A consulta ficará aberta para o público até o dia 10 de fevereiro.

Você pode acessar a consulta pública clicando aqui.

Um dos principais objetivos do MEC é reduzir custos com a aplicação do Exame já no ENEM deste ano. Para isso, algumas mudanças já foram definidas, como a eliminação da certificação de conclusão do Ensino Médio. Isso significa que já neste ano as pessoas com mais de 18 anos interessadas em obter o certificado de conclusão do Ensino Médio deverão fazer o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja).

Com a consulta, o MEC espera reunir colaborações de educadores, pesquisadores e estudantes para aperfeiçoamento do Exame. As mudanças têm em vista adequar o ENEM à reforma do Ensino Médio, atualmente em discussão no Congresso Nacional.

A consulta possui quatro questões:

1. A aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio deverá:

» manter o formato atual (2 dias);

» ser realizada em um único dia (até 100 questões e redação, co 5h30 de duração).

2. Caso o Exame continue sendo aplicado em 2 (dois) dias, qual o formato que deverá ser adotado:

» aplicação no domingo e na segunda-feira, sendo esta feriado escolar;

» aplicação em dois domingos seguidos;

» manter o formato atual (sábado e domingo).

3. Você acha que a aplicação do ENEM deverá ser realizada em computador?

» Sim

» Não

4. Por fim, deixe uma sugestão para aprimoramento do Exame. (Questão aberta)

Coletiva de imprensa sobre os resultados do ENEM 2016 e mudanças do Exame

resultado-enem-2016-maria-ines-mendonca-filho

Presidente do Inep, Maria Inês Fini, e o Ministro da Educação, Mendonça Filho

A Presidente do Inep, Maria Inês Fini, o Ministro da Educação, Mendonça Filho, o Secretário de Educação Superior, Paulo Barone, e a Secretária Executiva do MEC, Maria Helena Guimarães, participaram hoje de uma coletiva de imprensa sobre os resultados do ENEM 2016 e possíveis mudanças do Exame.

Tanto o Ministro quanto a Presidente do Inep destacaram que estão acompanhando as discussões da reforma do Ensino Médio e a formulação da Base Nacional Comum Curricular, para garantir que os ajustes necessários sejam feitos.

Notas do ENEM 2016

No pronunciamento, a Presidente do Inep apresentou notas do ENEM 2016: as notas mínima e máxima para cada disciplina, uma média geral considerando todas as pessoas que fizeram a prova e uma nota média considerando apenas os alunos concluintes do Ensino Médio.

notas-enem-2016

Maria Inês Fini apontou que a média dos alunos concluintes do Ensino Médio é ligeiramente superior à média geral. Entretanto, ela destacou que o desempenho dos alunos concluintes do Ensino Médio se manteve estagnado desde 2008.

Objetivos do ENEM

A Presidente do Inep ressaltou como os objetivos do Exame mudaram desde a sua criação. Se, no início, o ENEM consistia em uma avaliação do aluno de Ensino Médio, hoje a prova funciona como processo de seleção para o Ensino Superior.

Por causa disso, de acordo com Maria Inês Fini, ao longo dos anos o ENEM passou a se afastar da Matriz de Referências da LDB, enquanto se aproximava cada vez mais dos conteúdos determinados pelas universidades para a seleção dos alunos.

Sendo assim, a ideia agora não é deixar de atuar em um desses aspectos (avaliação do Ensino Médio e seleção para o Ensino Superior), mas retomar as bases que constituíam o Exame na sua origem, aproximando-se mais da Matriz.

Datas importantes

Algumas datas importantes referentes ao ENEM também foram passadas na coletiva de imprensa. São elas:

» Sisu: de 24 a 27 de janeiro

» ProUni: de 30 de janeiro a 2 de fevereiro

» Fies: de 6 a 9 de fevereiro

A partir de amanhã, 19/01, as informações consolidadas de disponibilidade de vagas e cursos estarão disponíveis no portal do Sisu. Para 2017, 131 instituições ofertarão mais de 238.000 vagas.

Mudanças no ENEM

Na coletiva, foram destacadas algumas das mudanças já anunciadas para o ENEM 2017, como o fim da certificação do Ensino Médio e a flexibilização do uso das notas pelas instituições.

Além disso, o Ministro Mendonça Filho descartou a hipótese de exclusão de alunos treineiros do Exame. De acordo com ele, “Ninguém ficará impedido de fazer o ENEM, mas terá um cardápio de opções”. Com isso ele se referia, por exemplo, ao Encceja, que será o exame destinado à obtenção da certificação do Ensino Médio.

A consulta pública pode resultar em outras mudanças no Exame, que podem ser aplicadas ainda neste ano – como a possibilidade de aplicação do ENEM em um único dia. Outras propostas apresentadas na consulta, se adotadas, poderão ser implementadas ao longo dos próximos anos.

Uma questão proposta pela consulta que foi discutida na coletiva de imprensa foi relativa à possibilidade de se realizar o ENEM online. De acordo com o Ministro, essa possibilidade não será adotada em 2017, mas o MEC não descarta a hipótese de uma aplicação piloto do ENEM online, apenas para um determinado número de alunos, ainda nos próximos anos.

Ampliação do Saeb

A Presidente do Inep também indicou a possibilidade de ampliar o Saeb para o Ensino Médio. O objetivo da medida seria calcular o Ideb também para o Ensino Médio. Foi sugerido que essa medida pode ser aplicada já nos próximos anos.

Edital ENEM 2017

O Ministro não definiu uma data, mas afirmou que o Edital do ENEM 2017 será disponibilizado em fevereiro, após o encerramento da consulta pública.


Quer saber mais sobre o ENEM? Confira o nosso Glossário do ENEM: Tudo o que você precisa saber sobre o Exame!


E você, o que acha que deve mudar no Enem para os próximos anos?

Deixe sua opinião e sugestões no comentário abaixo!

Cometários

Comentários

[87763]
[87763]
[87763]
[87763]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d